Liga-te a nós

Pro

15 coisas que precisa de saber sobre Gary Woodland

Conhecido pela sua prodigiosa tacada, a sua vitória em Pebble Beach põe o golfista noutra categoria. Depois de vencer e não deixar Brooks Koepka concretizar o feito de ser o segundo jogador a obter 3 títulos consecutivos no U.S Open, o mundo do golfe tem os olhos postos em Gary Woodland.

 

Aqui estão 15 fatos sobre o campeão do U.S Open:

 

1. Gary Woodland é dos golfistas com o drive mais longo – e já foi mais longo

O golfista nesta época está em 11º lugar com mais distância no drive, tendo uma média de 283 metros, assim como está em 11º lugar em velocidade do taco – 196 km/h. E segundo o próprio, em 2011, isto é apenas o swing dele a 70%. Em 2011 decidiu conter o seu tee shot por questões estratégicas e ter mais controlo.

 

2. Há lendas sobre a distância de Woodland que datam da altura da universidade

Segundo Ryan Herrington, já em 2007, escreveu sobre Woodland e que este conseguia bater constantemente mais de 400 jardas (365 metros), chegando até uma vez às 430 (393 m) na zona de treino da escola ,Alvamar Golf Club. “Aquela coisa faz um barulho.. parece uma caçadeira”, dizia o treinador Ross Randall. “Quando ele bate bolas aqui, as pessoas ouvem, param e ficam para ver”

 

3. Woodland sempre foi um homem de 3 desportos

Aos seus 16 anos, Woodland estava no topo da equipa de juvenis que ganhou o título nacional de basquetebol. “Eu adorava baseball e era o melhor em basquetebol. O golf era o terceiro na minha lista.”

 

4. Ele seguiu basquetebol na universidade, mas não por muito tempo

Depois de ganhar 2 títulos estatais para a escola secundária, foi-lhe oferecida uma bolsa para a equipa de basquetebol universitária. Durante um jogo ainda no seu ano de caloiro, apercebeu-se de que não estava ao nível universitário. Então, transferiu-se para a universidade de Kansas para jogar na sua equipa de golfe, uma vez que ainda no secundário lhe tinha sido proposta uma bolsa para lá jogar. Woodland queria estar no topo, não importava qual desporto fosse, apenas queria estar sempre no melhor nível.

 

5. Demorou algumas épocas até chegar ao topo do seu potencial

Foi apenas na época de 2005-06 que o jogo de Woodland começou a mostrar que realmente o potencial que este mostrava era verdadeiro. Ele ganhou 3 eventos universitários e ficou elegido para  o jogador universitário masculino do ano.

 

6. Woodland começou a trabalhar com Butch harmon em 2012, anos depois de estar com o seu mentor Randy Smith

Woodland e Butch começaram a trabalhar intensivamente em 2012. Ele disse à Golf World em 2014: “Começaram treinar entre 6 a 7 horas por dia na escola de golfe de Harmon’s com Woodland a bater tanta bola na tentativa de tornar o seu cut num draw, que as suas mãos chegavam a sangrar e os pulsos doíam”.

 

7. Em 2012, uma lesão no pulso obrigou Woodland a desistir do Masters

Woodland andava a tomar injeções anti-inflamatórias constantes para conseguir jogar enquanto lesionado, até a lesão no pulso esquerdo “rebentar”, o que deixou o golfista de joelhos e o obrigou a retirar-se de cena.

 

8. Demorou algum tempo para Woodland descobrir a “fórmula” nos campeonatos major

Antes de Pebble Beach, Woodland teve 2 top 10 nos majors

 

9. Woodland fez o que nunca tinha conseguido antes de Pebble Beach

Woodland estava 0-para-7 enquanto líder de 54-buracos na PGA Tour, antes de se converter em 2019 no U.S Open

10. O seu caddie, Brennan Little, também foi caddie para Mike Weir quando Weir ganhou o 2003 Masters

Woodland creditou especialmente Brennan por empurrar uma estratégia agressiva toda a semana, especialmente no domingo, onde Brennan persistiu que Woodland batesse 3- madeira para o 14º buraco

 

11. O trabalho de Woodland com Pete Cowen permitiu-lhe de bater uma das melhores bola do Pebble Beach

Woodland conseguiu bater uma das melhores tacadas que se pode assistir em Pebble Beach. Woodland já tinha dito que o seu trabalho com Cowen era precisamente praticar aquele tipo de situação

 

12. A transformação de Woodland nos greens é impressionante

2018: 114º. 2017: 172º. 2016: 128º. 2015: 85º. 2014: 129º. 2013: 85º. 2012: 185º. 2011: T-128.

13. Woodland é o centro do vídeo mais viral de sempre da PGA Tour

Woodland surpreendeu Amy Bockerstette no programa The Today Show

 

14. Woodland casou com a sua mulher , Gabby, em 2016 nas Ilhas Turcas e Caicos

O título fala por si. Woodland no instagram descreveu a situação como a maior vitória da sua vida

 

15. 2017 foi o ano mais difícil da vida de Woodland

Woodland e a sua mulher, Gabby, estavam à espera de gémeos na altura, mas, infelizmente, Gabby sofreu um aborto espontâneo e perdeu um dos bébés. O seu filho, Jaxson, tem agora quase 2 anos. A família está à espera de mais um par de gémeos agora em Agosto.

 

Créditos Imagem: Getty Images @ Sam Greenwood

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Destaques

Mais em Pro