Liga-te a nós

Amador

Aroeira e Estoril tricampeões de clubes seniores

Foram os vencedores em homens e senhoras do Nacional que decorreu no Clube de Campo da Aroeira.

Sérgio Pereira, Jorge Dores, Carlos Guerreiro e José Delgado. São estes os nomes da equipa da Aroeira que hoje se sagraram tricampeões no VII Campeonato Nacional de Clubes – Seniores (para jogadores acima dos 50 anos), realizado este fim-de-semana no próprio campo 1 (Par 72) do Clube de Campo da Aroeira, em Fonte da Telha, Almada.

 

Numa edição em que foi batido pelo segundo ano seguido um novo recorde de equipas participantes, Vale de Janelas (Praia D’el Rey, Óbidos) veio de trás para suceder a Tróia como vice-campeão.

 

Em senhoras, também o Estoril, alinhando com Paula Saúde, Graça Medina e Patrícia Ricciardi, venceu pela terceira vez seguida, somando assim vitórias nas três edições realizadas na prova feminina (na primeira, em 2017, havia sido com a sua equipa B).

 

Numa modalidade de jogo em duas voltas de stroke play, contando diariamente os três melhores resultados individuais de cada quarteto, a Aroeira era 2.ª após a jornada de sábado, com 239 pancadas (+23), com a desvantagem mínima para o Clube de Golfe da Ilha Terceira. No domingo precisou de mais quatro pancadas (243), mas isso não a impediu de subir ao primeiro lugar, com um total de 482 (+50).

 

Vale de Janelas registou na segunda volta, com 241 (+25), o melhor resultado coletivo do dia para subir do 6.º ao 2.º lugar, somando 485 (+53), tantas como o CG Ilha Terceira (238-247), campeão em 2014. No desempate pelo título de vice-campeão nacional de clubes seniores, prevaleceu o quarto melhor resultado, aquele que em circunstâncias normais ficaria de fora: o 85 de Alan Westhead face ao 87 do açoriano Brás Linhares.

 

O CG Benfica foi quarto com 486 (240-246) e Belas 5.º com 488 (242.246).

 

A nível individual oficioso, o melhor foi Gonçalo Xavier (Benfica), com 151 (77-74), +7. José Luís Garcia (Terceira) foi segundo com 153 (76-77) e Sérgio Pereira (Aroeira) terceiro com 155 (77-78).

 

Na prova feminina com equipas de três jogadoras (contavam dois resultados), o Estoril voltou a sair vencedor. Houve cinco equipas em prova, um novo máximo.

Ao somar 346 pancadas (172-174), 58 acima do Par, o Estoril deixou as vice-campeãs da Associação Nacional de Seniores de Golfe de Portugal (354, 180-174), a oito pancadas de distância. O Orizonte Golfe foi terceiro com 375 (185-190).

 

Marta Lampreia (Orizonte) foi a primeira classificada a nível individual, com 165 (83-82), +21, e Fabienne Vaquier a segunda com 169 (89-80).+25. As campeãs do Estoril ocuparam os três lugares seguintes – Graça Medina com 173 (+29), Paula Saúde com 174 (+30) e Patricia Ricciardi com 180 (+36).

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Publicidade

Destaques

Mais em Amador